Você sabe como dar banho em seu cão?

Você sabe como dar banho em seu cão?

Para lavar seu cachorrinho em casa é preciso tomar alguns cuidados evitando que o cão fique doente ou se machuque. Áreas como dos ouvidos e olhos merecem atenção, assim como preparar o local do banho e usar os produtos corretos. A veterinária da DrogaVET, Andressa Felisbino, fala abaixo sobre o assunto. Acompanhe:

 

1. Quais são os principais cuidados que devemos ter ao dar banho no cão em casa? (ambiente, temperatura da água etc)

Em relação ao ambiente, é importante procurar sempre colocar um tapete antiderrapante dentro da bacia ou banheira, evitando, assim, que o animal escorregue e sofra lesões, ferimentos ou traumas. O local também deve ser fechado, evitando que o cão que não goste de tomar banho tente fugir. Além disso, a água deve estar morna e um pouco acima dos “cotovelos” do animal. Além disso, sempre preferir os horários mais quentes, evitando os dias chuvosos.

 

2. Existem partes do corpo do cão que não podem ser molhadas? Quais e por quê?

Essa é uma outra dica importante: sempre proteger os ouvidos com protetores próprios para cães ou, mesmo, algodão, para que não molhem, evitando as otites, que são inflamações e infecções no ouvido. Feito isso, o proprietário do pet precisará se lembrar de retirar os respectivos protetores ou algodão, já que esquecê-los pode acarretar sérios problemas. É necessário ter, também, muito cuidado com a região dos olhos, devendo a mesma ser limpa com muito cuidado e evitando molhá-la demais.

 

3. O que deve ser levado em consideração na hora de escolher o shampoo? É fundamental ter alguma substância ou evitar alguma, para cães alérgicos etc. Cite exemplos.

A recomendação é para sempre utilizar shampoos próprios para cães, já que o PH da pele dos animais é muito diferente da pelo do humano. O uso de um shampoo não específico para cães pode acarretar diversos problemas, como ressecamento da pele e a criação de um ambiente ideal para bactérias, podendo ocasionar dermatites.
É importante também sempre procurar usar o shampoo ideal para o seu cão, dependendo do tipo e cor do pelo (branco, comprido, fino, grosso etc). Se a pele do animal seca rapidamente, recomenda-se o uso de um shampoo hidratante. Se sofre com alergias, use o shampoo hipoalergênico. Mas, em qualquer caso, sempre consultar um veterinário e optar por um produto de qualidade.

 

4. Ao passar o shampoo no cachorro, o ideal é deixá-lo um pouco no corpo do cão antes de tirar ou não? No enxágue, é importante tirar todo o shampoo com água abundante para que o cão não apresente alergias? Explique.

O ideal é deixar o shampoo agir por cerca de 15 minutos. Em seguida, é importante enxaguar abundantemente o animal (cabeça, dorso e patas) e nunca deixar produtos no corpo do cão, pois com a exposição ao sol e ao calor, podem ocorrer problemas de pele.

Publicidade

 

5. Durante o banho, deve-se pentear os pelos do cachorro? Isso depende se os pelos são curtos ou longos? Explique.

Cães de pelo longo podem tomar banho até uma vez por semana, já os de pelo curto o ideal é a cada 15 dias. Não se deve passar disso, já que os banhos, em excesso, acarretam a perda da proteção da pele, propiciando o surgimento de diversas doenças.

Os animais de pelo curto não precisam de escovação antes ou durante o banho. Já os de pelo longo podem ser escovados antes do banho, durante não há necessidade, apenas que se massageie com a espuma do shampoo. Utilizar um pano molhado com shampoo para lavar a face e a região dos olhos também é indicado, desde que com o devido cuidado.

 

Como lavar o cachorro em casa

 

6. Na hora de secar, é essencial secar o cão com secador? Na temperatura fria ou quente? Por quanto tempo? Comente.

O ideal é saber, primeiramente, se o cão não se assusta com o barulho do secador. Além disso, utilizar, sempre, a potência mais baixa e a uma distância de 25 cm do animal, para não ocorrer queimadura.  Mova o secador de um lado para o outro e não o mantenha no mesmo local por mais de alguns segundos. O secador funciona muito bem para cães de pelo longo e grosso. A secagem, dependendo do horário do banho, pode até ocorrer ao ar livre e, nesse caso, o cão irá se divertir muito. O animal irá se sacudir e se esfregar, fazendo com que em menos de 4 segundos ele se livre de 70% da água.

Uma terceira opção é a secagem com toalhas, é necessário utilizar várias, substituindo quando ficarem muito molhadas. É importante secar sempre todas as partes do animal, evitando assim infecções por bactérias e fungos.

É sempre bom elogiar e brincar com o cão na hora do banho, tornando este momento em algo agradável para proprietário e cão.

 

7. As orelhas são uma parte do corpo que precisa ser bem seca e ter um tratamento especial? Explique por quê.

As orelhas devem sempre ser bem secas e não se deve esquecer de usar sempre um protetor próprio para cães ou algodão na região do ouvido, evitando otites. E, como mencionado anteriormente, após o banho, retirar os protetores/algodão.

 

8. É indicado um passeio com o cão após o banho para secá-lo e deixá-lo mais relaxado?

Sim. Os passeios após o banho são sempre uma ótima ideia, pois o animal irá se divertir e relaxar bastante. O cão irá brincar, se sacudir e se esfregar, tornando-se uma gostosa brincadeira.

 

Gostou das dicas? Continue nos acompanhando por aqui e nas redes sociais do e-animals.

Compartilhe:
2 de outubro de 2019 / por / em ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *